Fábrica de canetas Pilot Pen lança pedra fundamental em Jundiaí, SP

gora
Empresa lança pedra fundamental de fábrica em Jundiaí, SP (Foto: Dorival Pinheiro Filho/A.I.)Haddad (dir.) com representantes da empresa
Pilot Pen (Foto: Dorival Pinheiro Filho/A.I.)

Empresa japonesa promete investimento de R$ 50 milhões na cidade.


Produção deve começar em janeiro de 2013.

A cidade de Jundiaí, no interior de São Paulo, começou na manhã desta quinta-feira (2) a acompanhar os primeiros passos das obras da fábrica da empresa japonesa Pilot Pen. A pedra fundamental foi lançada na manhã desta quinta-feira (2).

O evento contou com a participação do prefeito do município, Miguel Haddad, além de três secretários e o presidente da Câmara. O padre Adilson Amadi presidiu uma pequena cerimônia e abençoou o terreno. Em seguida, houve o fechamento de uma "cápsula do tempo", que carrega a planta da fábrica, jornais do dia e moedas em circulação.

Na semana passada, a Pilot Pen anunciou investimentos de R$ 50 milhões na cidade. Fabricante de canetas de diversos tipos e de outros materiais de papelaria, a empresa tem matriz em Tóquio e mantém filiais também na França, Estados Unidos e Indonésia. No Brasil, a empresa está instalada há 58 anos no bairro de São Miguel Paulista, zona leste de São Paulo, mas a fábrica já não tem espaço para crescimento, e a saída foi a transferência para o interior.

O prefeito Miguel Haddad disse que a instalação da Pilot Pen é uma prova do sucesso dos investimentos de infraestrutura feitos pela prefeuitura. "Nossa filosofia é gerar emprego e renda para as famílias. Jundiaí é uma cidade que tem atraído empresas com responsabilidade social e ambiental, e isso é importante para a qualidade de vida”, declarou.

Empresa lança pedra fundamental de fábrica em Jundiaí, SP (Foto: Dorival Pinheiro Filho/A.I.)Cápsula do tempo foi colocada no terreno onde será a fábrica (Foto: Dorival Pinheiro Filho/A.I.)picos:

Comentários