Veja o que abre e o que fecha no feriado do Dia de Finados

Feriado desta quarta-feira (2) não será prolongado na maior parte do país.
Confira o funcionamento dos serviços essenciais em algumas cidades.

Do G1, em São Paulo

O feriado desta quarta-feira (2), Dia de Finados, vai provocar alterações em serviços públicos e no funcionamento de outras atividades essenciais. As agências bancárias estarão fechadas.

Em razão da data, no meio da semana, o feriado não deve ser prolongado na maior parte das cidades.

Confira abaixo o link para a programação em algumas cidades do país.

Cidades

Destaque

São Paulo

Os paulistanos que não forem viajar no feriado devem ficar atentos ao funcionamento das repartições públicas e dos serviços municipais e particulares. Os horários de funcionamento serão alterados. Alguns estabelecimentos não funcionarão.
Veja a programação

Rio de Janeiro

O funcionamento de serviços públicos, comércio e transporte no Rio de Janeiro terá esquema especial nesta quarta-feira (2), feriado nacional de Finados. Confira a lista do que abre e o que fecha no Rio durante o feriado, que não será prolongado. Veja a programação

Curitiba

Os órgãos estaduais e municipais estarão fechados ao público. Exceto aqueles considerados essenciais, como unidades policiais e os Centros de Urgência Médicas. Na quinta-feira (3), todos os serviços voltam a atender aos cidadãos normalmente. Veja a programação

Vitória

É preciso se programar para evitar contratempos na utilização de serviços públicos e privados. Confira os horários de funcionamento dos principais serviços da região metropolitana. Veja a programação

Cuiabá

Os órgãos públicos de Cuiabá ficarão fechados de nesta quarta-feira (2). Os serviços de saúde e segurança devem funcionar normalmente. Veja a programação

João Pessoa

A Prefeitura de João Pessoa não vai funcionar durante o feriado, mas os serviços essenciais continuam funcionando, como coleta de resíduos sólidos realizado pela Autarquia Municipal de Limpeza Urbana (Emlur); o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu); hospitais e a Superintendência de Transportes e Trânsito (STTrans). Veja a programação

Comentários